Veja o novo episódio do #PergnteProAPO



3.2.14

Adrenalina Fora do Busch Gardens

Quando estamos decidindo os parques que iremos visitar em nossa viagem à Orlando, e estamos procurando atrações com adrenalina, logo pensamos no Busch Gardens. Afinal, temos seis monstanhas-russas super radicais nesse parque (veja aqui quais são), só que nem sempre temos tempo para visitar todos os parques ou então estamos em um grupo onde a maioria não curte esse tipo de atração. Então, o que fazemos? Vamos deixar de curtir a emoção das montanhas-russas?! Claro que não!!

Vamos ver agora quais as atrações super radicais que encontramos nos outros parques, e que não deixam nada a desejar às do Busch Gardens.

Começando pelo SeaWorld, isso mesmo, aquele parque dos shows de golfinhos e das baleias. Quem está com crianças no grupo, esse é um ótimo parque para agradar a todos! Os menores podem ficar vendo os shows, vendo os animais de perto e até brincando no playground da Shamu. Enquanto isso, os radicais tem duas montanhas-russas de arrepiar!

Quando olhamos para o trilho da Manta, já vemos que ela não é para qualquer um. Mas depois percebemos que ela é ainda pior! Pela posição diferente que ficamos na cadeira a sensação é muito mais emocionante. 


A Kraken também fica no SeaWorld, já é um pouco mais antiga que a Manta, mas é muito radical também! O percurso dela é bem extenso e cheio de loopings, curvas e descidas!


Vamos agora para a Universal. O Islands of Adventure é um parque que não fica de fora de nenhuma programação, tem a ilha da Marvel para os mais velhos, a ilha do Seuss, para as crianças menores e Harry Potter para todas as idades! E as duas atrações que eu considero mais radicais aqui são:

A montanha-russa do Hulk, onde já saímos com velocidade máxima e a emoção só acaba quando chegamos no final do percurso!

E a Dragon Challenge, que fica na Ilha do Harry Potter. São duas montanhas-russas em uma, os percursos são diferentes - mas nada demais - e são super radicais. E aqui, ficamos com os pés balançando! O carrinho fica preso nos trilhos por cima, e não por baixo.



Indo para o outro parque, o Universal Studios, temos a Rip Ride Rockit. Ela já começa subindo a 90 graus! E ainda podemos escolher a música para ouvirmos durante o percurso. E diferente da maioria das montanhas-russas, o cinto de segurança desta é apenas na cintura!! Não nos prende pelos ombros, o que, na minha opinião, deixa tudo mais tenso!!


Nesse parque temos várias atrações indoor, como a Transformers e a do Simpsons e também muitas atrações infantis. Mas temos também mais uma super radical - ou pelo menos que nos faz sentir uma super adrenalina. Mesmo sem grandes alturas (já que é toda fechada) a atração Revenge of the Mummy é muito radical! Adoro ela, mas dá um medão!! Não podem perder de forma alguma! E essa também é só para os corajosos.


 E agora na Disney. Confesso que nos parques de lá as atrações não são super, extremamente radicais. Mas em compensação, o suspense e o envolvimento são maiores, o que acaba compensando. 

No Hollywood Studios temos duas atrações de tirar o fôlego, a Rock'N'Roller Coaster, uma montanha-russa interna na qual já saímos na velocidade máxima. Nada de subir para ganhar velocidade, o passeio já começa acelerado!




E claro, o famoso elevador, não é a toa que se chama Tower of Terror (torre do terror). Um programa gera a combinação da queda, então nunca sabemos exatamente como será! A queda pode ser de vez, pode subir mais duas vezes, três vezes, cair cinco...Além do suspense da queda, dos fantasmas, ainda temos que enfrentar o desconhecido! Essa é só para os fortes.


E por fim, temos uma atração no Epcot. Ela não é uma montanha-russa, mas sim um simulador, a Mission Space. Ela tem duas opções, a laranja, mais radical e a verde, sem a força G. Claro que estou falando do percurso Laranja - a não ser que você seja claustrofóbico, então qualquer um dos dois será aterrorizante! - nele sentimos a força G como se realmente estivéssemos saindo da órbita terrestre. É impressionante! O mecanismo utilizado é o mesmo que a Nasa usa para treinar seus astronautas. Inclusive, houve o auxílio de engenheiros da Nasa na elaboração dessa atração. Quem estiver indo para o Epcot achando que só encontrará moleza, não pode perder essa!


Então, quem gosta de adrenalina, não fique triste se o tempo for curto demais que não dê para ir ali em Tampa no Busch Gardens. Vocês encontrarão bastante emoção nos outros parques!


Nenhum comentário: